Por aí, por Alice

Ocupação Giramundo

gira20

Quinta-feira fui a São Paulo com dois objetivos: visitar as exposições do Giramundo no Itaú Cultural e a do Ron Mueck, na Pinacoteca. Consegui ver os bonecos do Giramundo, mas os gigantes do Ron Mueck ficaram para uma próxima. A fila estava maior que a do Castelo Rá-Tim-Bum (leia post aqui). Tentei ficar, mas o sol estava muito forte e o tempo estimado de espera seria de aproximadamente três horas. Mas tudo bem, o passeio foi super legal e valeu a viagem!

gira7

Esqueci de levar a minha máquina fotográfica semi profissional, por isso tive que fazer os registros com o celular mesmo. Claro que a qualidade da imagem não é mesmamas pelo menos dá pra vocês terem uma noção de como foi a visita.

gira18

Sou apaixonada por teatro de bonecos, tanto que fiz meu TCC sobre o assunto. Na época, queria muito ter estudado o processo de confecção dos bonecos da Cia mineira Giramundo, mas não tinha condições financeiras de viajar para Belo Horizonte e fazer a pesquisa do jeito que eu queria. Gosto muito da meticulosidade e do estudo que eles têm para criar os bonecos. É tudo muito bem planejado para alcançar o melhor resultado visual.

gira3

Fiquei mais encantada com o enorme mural contendo fragmentos dos bonecos e detalhes sobre o processo de confecção do que com os bonecos em si. Claro que eles são maravilhosos, mas observar o raciocínio, a lógica e o capricho que são empregados para construí-los foi mágico.

gira1

gira10

gira16

gira4

gira8

gira9

gira12

gira8

gira11

gira13

gira23

gira21

Percebi que o material predominante é a madeira, principalmente para fazer as mãos, pés e fragmentos do corpo. No caso dessa imagem, podemos ver que a cabeça é esculpida em isopor, com aplicação de camadas de papietagem e massa epóxi (acredito que seja algo parecido com Durepox). Por fim, a peça é lixada e pintada. Não tenho certeza se todas as cabeças são feitas assim, mas é bem provável, pois o uso desse materiais garantem mais leveza, o que é melhor para o ator-manipulador.

gira5

gira15

gira24

gira6

Levei uma bronca após tirar essa foto, pois não é permitido tocar nas peças (juro que não sabia). Apesar disso, tocar nessa mãozinha me estremeceu. O boneco tem uma magia misteriosa e envolvente. A exposição está excelente e fiquei com mais vontade de conhecer o museu do Giramundo, que fica em Belo Horzionte!

*

Para quem mora em São Paulo ou está na cidade esse final de semana, corra porque a exposição acaba amanhã e vale muito a visita!

No Itaú Cultural: Avenida Paulista, 149 (estação Brigadeiro do metrô)

<3

9 comentários Comentar

  1. Fernanda

    Olá Alice! Já tive a oportunidade de ver uma exposição do Giramundo com os bonecos da história do Pinóquio, realmente há um encanto neles que nos deixam boquiabertos, com desejo de ter cada um deles para nós.
    Se um dia se programar para visitar o Museu Giramundo em BH, me avise! Sou sua web-aluna, Adoro os seus trabalhos, te acompanho diariamente e gostaria muito de conhecê-la, em uma oportunidade como esta seria ainda mais engrandecedor e mágico!

    Beijos :*

    Responder
    1. Ah que linda, Fernanda! Que orgulho ser a sua web-professora!!!
      Fiquei mesmo com muita vontade de conhecer o Museu Giramundo e pode ter certeza que quando eu for, te aviso :)
      Vai ser um prazer te conhecer <3
      Grande beijo <3

      Responder
      1. Fernanda

        Alice! Vim te dar uma notícia mega especial:Vou visitar o Museu Giramundo dia 22 de Agosto com os alunos do projeto onde trabalho!
        <3
        Já estou quase morrendo!

        Responder
        1. Ai que coisa boa, Fernanda! Será uma experiência incrível, pra você e para os alunos!
          Depois me conta como foi?
          Beijos <3

          Responder
    2. Fernanda

      Alice!!!
      Fiquei totalmente vislumbrada com o Museu! Demos muita sorte por que todos os bonecos que geralmente são usados nas Ocupações estavam todos lá!
      No primeiro momento fomos recepcionados para a visita guiada pelo Museu. As crianças ficaram vislumbradas com os bonecos (quando contamos que íamos au Museu eles não gostaram muito da ideia, mas chegando lá, firam encantados). Depois assistimos a apresentação Caleidoscópio, onde um profissional do Museu foi narrando as fases do grupo, seu contexto histórico desde a criação até a atualidade e eram apresentadas pequenas esquetes dos espetáculos de capa período. O momento mais lindo foi quando o Pinoquio entrou. Quase Morri! Depois do espetáculo, nossas crianças fizeram uma oficina de teatro de sombras. Aproveitei a pausa para invadir os bastidores e pude pegar o Pinóquio no colo, foi lindo lindo lindo! Me apaixoinei. Pude tirar algumas fotos mais próximas dos bonecos e também me apaixou pelos palhaços – eles estavam por todos os lados! Vi muitas dos bonecos que você fotografou e compartilhou aqui :) Quando as vias, parecia que eu já as conhecia!
      Eu já conhecia o Grupo Giramundo, mas foi graças a esta sua publicação no face que dei ideia de levar as crianças para conhecer o Museu. Fiquei muito feliz do Sesc ter comprado a ideia (e pago! rs).

      Enfim…
      Foi inesquecível! Recomendo!
      <3

      Responder
      1. Nossa que legal, Fernanda! Posso imaginar a empolgação e a alegria das crianças ao verem tantas coisas coloridas, lúdicas e incríveis. Na hora que você disse que pegou o Pinóquio no colo, me emocionei. Eu adoraria ter essa experiência também!
        Fico admirada com a perfeição e a delicadeza dos bonecos que o Giramundo faz. É tudo impecável e cheio de vida. Puro encanto!
        E nossa, nem sei o que dizer sobre esse post ter sido o estímulo para levar as suas crianças ao museu e o Sesc aceitar a ideia. Me sinto muito, muito feliz! Muito obrigada por me contar e por aproveitar o conteúdo que publico no blog. Faço tudo com muito amor e quando recebo um reconhecimento assim, tenho mais forças para continuar e não desistir.
        Quem sabe em breve eu terei essa mesma experiência que você e seus alunos?
        Um super beijo <3

        Responder
  2. Makson do Prado

    Que lindo deve ser ver essa exposição ao vivo e a cores… aqui em Jaraguá do Sul não há exposições com essa temática…que bom que você visita essas exposições e esses lugares incríveis e compartilha aqui no blog assim como foi a visita a casa da Frida Kahlo…assim sinto um pouquinho da mágica desses bonecos e lugares!!!!!
    Amei o post!!!!

    Forte Abraçoo :)

    Makson <3

    Responder
    1. É lindo mesmo, Makson!
      Não é aí em Jaraguá do Sul que tem um festival internacional de teatro de bonecos? Ou é em Floripa?
      Sei que tem algo assim e que eu morro de vontade de conhecer :)
      Eu adoro visitar exposições e compartilhar tudo aqui no blog. Fico feliz que goste desse tipo de post :)
      Beijos <3

      Responder
      1. Makson do Prado

        Alice vou pesquisar a respeito do festival Internacional de teatro de bonecos!!! ;)

        Abraços <3

        Makson do Prado

        Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *